Skip to main content

{Resenha} Os dias roubados – Carlos Vazconcelos

Compartilhe!

Os Dias Roubados   Literatura Brasileira/105 páginas/ Editora: Expressão

“A noite não tarda, mesmo para os que veneram o sol”.

Você já imaginou como é está preso? Como é ter sua liberdade privada? Como é viver  sob restritivas regras e com pessoas consideradas uma verdadeira escória? Bom, essas são perguntas que o nosso narrador-personagem de Os dias roubados pode nos contar em maiores detalhes!

Preso injustamente, o nosso personagem narra com vívidos detalhes a trama que o fez pagar anos miseráveis na cadeia. A narrativa segue um fluxo de memórias, flashbacks do passado. Arrependimentos, escolhas, pessoas, tudo vem à tona. Reflexões morais e existenciais permeiam a mente desse homem.

Não tem como não ficar no mínimo, intrigado com sua história. Ao mesmo tempo que nos conta sobre sua vida no passado, nos faz refletir sobre a nossa no presente.

“Hoje sou consciente: morre-se diversas vezes”.

Além disso, o autor faz várias intertextualidades, até mesmo como descrito na contra capa, suas personagens trazem um traço de Dostoiéviski. As críticas ao sistema carcerário também estão presentes. E vemos claramente como funciona a sociedade.

“Estou preso porque outros, iguais a mim, aqui me puseram; outros, de carne e osso, ninguém com poderes superiores, apenas meus semelhantes”.

A triste realidade que quem manda tem dinheiro e por isso, pode até ficar impune de crimes, livres da justiça.

       “Assim está distribuído o mundo, presas e predadores; uns tecem a teia, outros se deixam capturar”.

Com essas reflexões, nos perguntamos se estamos mesmo livres, embora não presos por grades. O texto é curto pois faz parte do gênero novela e realmente é o tipo de livro que nos faz balançar… o meu exemplar está cheio de rabiscos! São tantos pontos positivos que se fosse listar essa resenha ficaria demasiada extensa, por isso deixo o resto da contemplação com vocês ao ler a obra de um autor nacional, ler a nossa literatura!

2 comentários em “{Resenha} Os dias roubados – Carlos Vazconcelos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mostrar
Esconder